Eu, Inabalável --Resenha

 Oi tudo bem com vocês?, pois bem eu eu venho com mais uma resenha de um livro nacional, o livro lido dessa vez foi Eu, Inabalável do autor ...

 Oi tudo bem com vocês?, pois bem eu eu venho com mais uma resenha de um livro nacional, o livro lido dessa vez foi Eu, Inabalável do autor Josué Matos, o livro foi cedido pelo o autor e deixo aqui meu agradecimento pela oportunidade.
    Vamos para a história!




   O livro é narrado em terceira pessoa, e em sua primeira parte fala sobre um assassinato, ao todo são 5 partes. 




  Alan é o filho preferido da família, seu irmão Leonardo é o esquecido, mas chega um dia que Alan é assassinato (isso não é um spoiler), com sua morte a família fica devastada, seus pais ficam devastado com a noticia, não aceitam a realidade. Com isso a mãe de Leonardo e internada em um manicômio pois não estava aceitando a sua real condição, o pai de Leo por sua vez perdeu toda a vontade de trabalhar e de viver, só queria uma coisa na vida, descobrir quem matou seu filho. 
    
     A policia tem um suspeito mas não tem provas.
   
   Não sei ate que ponto posso falar sobre a história, tudo e uma reviravolta, tudo é uma surpresa inesperada, alguns momentos o leitor acha que o livro vai ficar previsível mas isso acontece pouquíssimas vezes.
    A ação realmente começa quando Leonardo 2 anos depois decide tentar descobrir o assassino do irmão, ele tem certeza que o suspeito da policia é realmente o assassino do seu irmão, ele quer vingança.








     

 




















  Eu gostei do livro, com toda ação com todo o mistério é um livro  bom, só senti falta de uma maior profundidade na história, nos personagens, os personagens ate parecem um pouco bipolares, mudam de ideia facilmente, isso me irritou um pouco.
   O livro traz vários temas sócias, como homofobia, violência e consumo de drogas por adolescentes, o que deixa a história mais real, alem de conter algumas cenas hots.


 Essa é minha opinião sobre o livro, espero que tenham gostado, não se esqueça de comentar sua opinião.
    Abraços